• 2766
  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Facebook
 

Arquitetura da Madeira: do Primitivo ao Contemporâneo - Brasil e Chile 

Esta segunda edição do ela.emcurso “Arquitetura da Madeira: do primitivo ao contemporâneo – Brasil e Chile” terá sete módulos independentes para seguir compartilhando e construindo conhecimento acerca da produção da arquitetura da madeira no Sul do Brasil e do Chile.

CONTEXTO HISTÓRICO
A arquitetura da madeira ocorre no Brasil nas habitações indígenas muito antes da presença portuguesa. Na região Sul foi a matéria-prima também para as habitações dos colonizadores e dos imigrantes. 
No Chile, a madeira também está presente desde antes da colonização europeia. Na região dos Lagos e na Patagônia, as dezenas de igrejas da região de Chiloé (século XVIII) são patrimônio mundial pela UNESCO..

CENÁRIO CONTEMPORÂNEO
No Brasil o uso da madeira foi gradativamente diminuindo e hoje alguns poucos arquitetos, como Paulo Cesa e Gederson Meotti, ainda a utilizam de forma marcante em seus trabalhos. Opostamente, a ‘nova’ arquitetura chilena ascendeu e boa parte tem sido efetivada com o uso da madeira, como o Pavilhão do Chile na Exposição Universal de Sevilha (1992) e a produção do Arq. Alejandro Aravena (Prêmio Pritzker, 2016).

E ELA. COM ISSO?
A Escola Livre de Arquitetura questiona por que no sul do Chile o protagonismo da madeira permanece em escala ascendente, e no sul do Brasil não? Quais as causas dessa distinção? O contexto? A cultura? A tecnologia? 


Nesta segunda edição queremos responder a esses questionamentos, e criar outros tantos junto contigo!

Carga horária: 21h/aula

Arq. Me. Maturino Luz

Arq. Gederson Meotti

Arq. Me. Paulo Cesa

Arq. Dr. Antônio Bolcato Custódio

Arq. Dr. Günter Weimer

 

Aprendiz Docente: Acad. Renata Stedele

Satélite Imed

Rua Dona Laura, nº 1020. Bairro Rio Branco, Porto Alegre.

Abril a Julho| 07 encontros - Terça - Ferira

Turno: Noite